Windows 11 reflete preocupações com segurança e trabalho remoto

A Microsoft lançou esta semana a nova versão do Windows 11 em mais de 190 países, incluindo Portugal. É a primeira grande atualização do sistema operativo que “assegura a eficiência do trabalho híbrido”, lê-se na nota enviada à imprensa.

Para assegurar que o conteúdo e a informação estão sempre acessíveis, a nova versão do Windows 11 inclui atualizações no menu Iniciar, pesquisa avançada, definições rápidas, bem como melhorias na cobertura de notícias no painel de Widgets através do File Explorer.

Cerca de um em cada cinco utilizadores beneficia de funcionalidades de acessibilidade no PC, daí que esta atualização forneça um conjunto de novas ferramentas como a legendagem ao vivo para eventos em direto, permitindo a criação automática de legendas a partir de conteúdos áudio, o acesso de voz, que permite controlar o PC e o texto de autor utilizando a fala, e o Natural Voices for Narrator, que reflete o discurso de forma mais natural para ajudar na leitura ou pesquisa na web.

Por sua vez, e sendo o Windows 11 a versão mais segura de sempre do Windows, esta atualização irá contar, ainda, com a introdução da Smart App control, que permite, de forma segura, fazer o download de qualquer aplicação.

De ressalvar, ainda, a nova funcionalidade Focus, e otimização de desempenho e bateria, a nova atualização do Windows 11 irá permitir aos utilizadores serem mais produtivos. Ao iniciarem uma nova sessão de foco, o Windows irá ativar a função “Não Incomodar”, que silencia as notificações e badges na barra de tarefas e ainda é possível ativar o “Clock” – um temporizador para ajudar a gerir melhor o tempo.

Esta mais recente atualização abrange, igualmente, a câmara Windows Studio, Voice Focus para filtrar o ruído de fundo, Background Blur para que apenas o utilizador seja visto, Eye Contact para promover uma melhor colaboração, e Automatic Framing para que a câmara acompanhe os movimentos do utilizador.

No âmbito da segurança, o novo Microsoft Defender SmartScreen identifica e alerta quando estão a introduzir as credenciais do utilizador numa aplicação maliciosa; e ainda há uma funcionalidade opcional de deteção de presença no Windows Hello for Business, para identificar quando o utilizador se aproxima e bloquear quando se afasta. A Smart App Control bloqueia aplicações não confiáveis, ficheiros script e macros maliciosos no Windows 11. Esta funcionalidade prevê a segurança de uma aplicação em tempo real antes de ser executada – uma solução para as organizações que ainda não estão a utilizar a modern device management (MDM) como o Microsoft Intune.

Exit mobile version